Todos os tipos

Biblioteca Pública do Estado da Bahia em Salvador, Bahia

Confira aqui todas as informações disponíveis sobre Biblioteca Pública do Estado da Bahia em Rua General Labatut, 27 - Barris, Bahia: Descubra o endereço, horário de atendimento e também o que as pessoas têm a dizer sobre o serviço prestado.

Média das avaliações: Escrever uma avaliação

Endereço:

Rua General Labatut, 27 - Barris, Salvador, Bahia

40070-100

Compartilhe: Sugerir uma atualização

O mapa está carregando...

Biblioteca Pública do Estado da Bahia em Salvador, Bahia

Confira aqui todas as informações disponíveis sobre Biblioteca Pública do Estado da Bahia em Rua General Labatut, 27 - Barris, Bahia: Descubra o endereço, horário de atendimento e também o que as pessoas têm a dizer sobre o serviço prestado.

Horários de trabalho: Fechado
Segunda-feira
09:00 – 21:00
Terça-feira
09:00 – 21:00
Quarta-feira
09:00 – 21:00
Quinta-feira
09:00 – 21:00
Sexta-feira
09:00 – 21:00
Sábado
09:00 – 12:00

Site: bibliotecas.ba.gov.br

Escrever uma avaliação Como você avalia os serviços?

Comentários sobre Biblioteca Pública do Estado da Bahia

  • Roberto Almeida
    2017-04-29
    " Parte integrante do meu tempo escolar entre 1984/90 (bons tempos). Leva o título de primeira biblioteca do Brasil e da América do Sul, sendo a maior da Bahia. Possui um acervo de 120 mil livros, 600 mil jornais, sua estrutura é composta pela Diretoria de Imagem e Som da Bahia, duas salas de cinema (Walter da Silveira e Alexandre Robato), galeria Pierre Verger, Teatro Espaço Xisto Bahia, biblioteca infantil, e um restaurante. Além das seções de Obras Raras e Valiosas, Braille, Áudio-visual e Mapoteca. Hoje ocupa prédio inaugurado 1970, com 5 andares e capaz de abrigar até 3 milhões de volumes. Sua história iniciou-se quando idealizada por Pedro Gomes Ferrão Castelo Branco, sendo criada em 1811 e instalada primeiro na antiga livraria dos Jesuítas (na Catedral Basílica) onde permaneceu até 1900, quando foi transferida para o Palácio do Governo, quando em 1912 no Governo de J.J. Seabra, sofreu duro golpe onde incendiou-se durante o bombardeio que destruiu o palácio, no qual salvou-se somente 300 volumes do seu acervo. Foi reconstruída no mesmo local juntamente e inaugurada em 1919, vindo a passar por outro destruição em 1961 e incêndio advindo do prédio da Associação Baiana de Imprensa. "
  • Davi Evangelista Pontes
    2017-03-28
    " Próximo a sala de estudo há um barulho,pontos que poderiam melhorar: *Sala de estudo ser melhor climatizada *Sala de estudo não haver barulho algum *Um sofá próxima a sala ,de estudos porque após duas horas de estudo o estudante possa dar uns 15 minutos de descanso. *horário de funcionamento sábado e domingo até as 20:00(porque trabalho a semana toda e fins de semana quero estudar mas muitas vezes não posso devido o barulho de casa) *sala de estudos em grupo afastadas para estudantes que contribuíssem com pelo menos 10,00 mensais. *Melhoria no wifi Sugestão para essa melhoria acontecer: Ser de iniciativa mista público/privada *Tipo o estudante que puder contribuir contribuía com valores mensais de 10 a 20 ou mais indo de cada estudante,eu mesmo poderia contribuir com 30,00 mensais,mas sei que teriam estudantes que não poderiam contribuir aí eles usariam do mesmo jeito as instalações. *Se conseguisse meus objetivos nos estudos eu mesmo contribuiria para vida toda.claro sabendo que o recurso não está sendo desviado sabendo pra onde está indo cada centavo. *Caso acontecesse essas modificações acima íamos fazer um grande avanço tecnológico/científico/educacional na sociedade soteropolitana e baiana. *Mas diante mão agradeço ao menos a biblioteca existir antes ter um carro velho que ande não trampo do que não ter....rsss Nota 5 para biblioteca queria dar 10 mas peca em vários aspectos. "